Escolhas e prioridades!


Uma das coisas que mais aprendemos na igreja é sobre a sequência das nossas prioridades.

1º lugar: Deus (através de um relacionamento íntimo e pessoal acima de todas as coisas... e não a igreja);
2º lugar: Família;
3º lugar: Trabalho, sustento e/ou manutenção da nossa família (aqui está inserido também o estudo, a faculdade.. que representa a busca de manutenção);
4º lugar: Obra de Deus/Igreja/Trabalho na Igreja.

Às vezes vemos tantas pessoas colocarem a Igreja como prioridade e a casa destas representam o pior lugar de se morar... Então, de que valeria tanto esforço para trabalhar para Deus, se esquecermos de trabalhar COM Ele? Verdadeiro sacríficio de tolo! As nossas intenções podem ser as melhores... mas com certeza na estrada da vida bateremos com este carro!!

Às vezes queremos colocar o trabalho em primeiro lugar, com as justificativas de que precisamos manter isso ou aquilo... e nos sentimos vazios, porque a ordem de prioridades foi violada!

Às vezes queremos colocar tudo em primeiro lugar e a família em último lugar, com as justificativas de que precisamos servir a Deus, trabalhar na sua obra e que a família entenderá, que a esposa entenderá, que o esposo compreenderá, que os filhos entenderão... e aí fazemos tudo errado... e perdemos aquilo que é precioso!

Recordo da fala de um amigo que é muito inteligente, conceituado... é PhD na sua área de atuação e que o mesmo me declarou: "A Universidade cobra muito, as revistas me cobram produção de artigo atrás do outro, eu sempre me cobrei produzir vários e vários artigos, sempre me vi estudando muito e a angústia me consumia e eu não via... um dia consegui ouvir que minha esposa também me cobrava... ela me cobrava atenção, ela me cobrava segurar na sua mão, ela me cobrava olhar para nossa filha, ela me cobrava um carinho... ela me cobrava um eu te amo... quando decidi produzir tudo isso para ela... já era tarde... ela não tinha como me cobrar mais... eu a perdi. Perdi o que de mais precioso eu tinha, perdi minha família, perdi a oportunidade de ter do abraço dela, do amor dela, simplesmente porque achei que era bom naquilo que sempre fiz e esqueci que eu tinha muito a aprender naquilo que Deus tinha a me ensinar, naquilo que Ele tinha me dado como presente... descobri que não era nada inteligente. Você pode dizer: Eu sei conciliar as coisas, isso não vai acontecer comigo. E eu digo: Isso só não acontecerá com você, quando você passar a olhar mais a sua volta e a necessidade de quem está ao seu lado."

Nunca esquecerei o relato desse amigo! Levarei para sempre como exemplo do que é ter tudo e ser pobre... do que é não ter muito e ser rico!!
Hoje esse meu amigo tenta se recuperar, bem como reconquistar seu lar.

E eu pergunto: Qual a sua prioridade? Como estão as suas prioridades? Como estão suas escolhas?

Fica a seguinte dica: Se você entender a sequência das prioridades que o Senhor deseja para você... você só não conseguirá fazer a sequência do 2º ao 4º lugar, até você conseguir definir claramente o 1º lugar na sua vida!

O desejo do meu coração é que as obrigações não venham tragar o melhor da vida de vocês, os presentes que Deus dedicou a cada um!
Não troquem jóias por bijouterias! Aparentemente parecem iguais, mas no fundo só quem sabe qual é a jóia e qual é a bijouteria é quem a possui, porque elas realmente são muito parecidas!

"Do homem são as preparações do coração, mas do SENHOR a resposta da língua. [...]Confia ao SENHOR as tuas obras, e teus pensamentos serão estabelecidos. (Provérbios 16:1 e 3)

Com amor Nele,
Cris

Segue para meditação...


Comentários

  1. È o que espero e quero Cris, fazer as coisas conforme a ordem a nós ensinadas.E essse testemunho lindo e edificante também na minha vida espero nunca esquece-lo, etrazê-lo como exemplo também para minha vida.Te amo pois vc faz a diferença na nossa vida.Deus te abençõe amiga.Bjos.

    ResponderExcluir
  2. Rachel, minha amada!
    Obrigada pelo seu amor que me faz cada dia melhor!
    Saiba que meu blog fica rico a partir das suas visitas.
    Deus seja contigo!
    Amo você!

    Cris

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Olá, muito obrigada pela sua visita e comentário aqui neste espaço.
Em breve responderei seu comentário.
É um prazer tê-lo por aqui!!
Com amor,
Cristina Bessa

Postagens mais visitadas deste blog

O tempo debaixo do céu

Há esperança para o ferido...

Puro Nardo!